Arcebispo proíbe a presidente da Câmara dos EUA de comungar por apoiar o aborto

O arcebispo de San Francisco, Salvatore Cordileone / Arquivo